sexta-feira, 5 de outubro de 2012

Simone Simons e Banda Epica!





1. Biografia


Fundada em abril de 2002 pelo ex-integrante do After Forever, Mark Jansen, a banda holandesa Epica é uma tradução fiel das inovações musicais que tomaram a cena do metal nos últimos anos. A soma das guitarras com corais no estilo de música sacra, uma vocalista soprano, violinos, cellos e pianos, compõem sua fórmula sofisticada. Apesar de recém formada, o Epica está entre as principais referências do estilo.

Inicialmente a banda chamava-se Sahara Dust e contava com a participação provisória da vocalista norueguesa Helena Michaelsen (ex Trail of Tears). Porém, em outubro de 2002, Simone Simons com apenas 17 anos de idade, recebeu o convite de Mark Jansen para ser a vocalista definitiva. Em novembro, a banda entrou no Excess Studio na cidade de Rotterdam (onde o After Forever gravou Prison of Desire), para gravar a demo Cry For The Moon, que seria lançada no mês seguinte. Este trabalho traz apenas a faixa título e Illusive Consensus

A primeira apresentação ao vivo ocorreu no dia 15 de dezembro, em Tilburg, Holanda.




Em janeiro de 2003 no Gate Studio da Alemanha, iniciaram as gravações do álbum de estréia The Phantom Agony. Em março, após algumas reuniões entre os integrantes surgiu a idéia de trocar o nome da banda. Segundo Simone Simons: "Epica é um lugar do universo onde nós podemos encontrar as respostas para as mais importantes perguntas sobre a vida. A maioria de nossas letras é parecida com o significado de Epica. E o Kamelot acabava de gravar seu álbum intitulado Epica. Nós adoramos o título. A maioria dos membros, incluindo eu, adora ouvir Kamelot. Então decidimos mudar o nome para Epica".Lançado em junho de 2003, The Phantom Agony conta com nove faixas e uma produção musical riquíssima de Sascha Paeth (produtor do Rhapsody, Kamelot, Angra, entre outros) com uma fortíssima influência da música árabe, nítida na faixa Seif al Din, e do metal melódico. Os vocais são divididos entre a belíssima soprano Simone Simons e a voz "demoníaca" de Mark Jansen. A participação de oito vozes compondo o coral atribui um aspecto grandioso, especialmente na faixa de abertura Adyta, cantada em latim. A sétima faixa intitulada Run for a Fall escrita por Mark Jansen, disserta sobre sua saída do After Forever. Façade of Reality aborda os atentados de 11 de Setembro, incluindo um trecho com declarações de Tony Blair; provando que existe uma consciência humanista e social entre os integrantes, sobretudo Mark Jansen, compositor de sete músicas neste álbum.


Durante o ano de 2003, a banda fez várias apresentações na Holanda, além de Bélgica e França. Em setembro, os fãs são presenteados com o clipe da música The Phantom Agony. Este vídeo evoca uma atmosfera medieval, mística e grandiosa. Em outubro foi lançado o single The Phantom Agony, que traz a faixa título em duas novas versões, além de Façade of Reality e a inédita Veniality. Em janeiro do ano seguinte, chega às lojas o single Feint, que traz esta música na versão original e "piano version"; além da reedição de Seif al Din e a nova Triumph of Defeat. No mês seguinte é a canção Feint que ganha uma versão em vídeo. Em maio é lançado outro single: Cry for the Moon. Este trabalho conta com quatro faixas, Cry for the Moon e Run for a Fall em duas versões cada. Finalmente em setembro de 2004, é lançado o DVD We Will Take You With Us, com os clipes, Making Off e trechos inéditos da banda em apresentações acústicas, ao vivo e em estúdio.





Os shows continuaram em 2004. Na Europa as apresentações passaram pela Inglaterra, Alemanha, Turquia, Espanha, Portugal e outros países. Em dezembro, os mexicanos tiveram o prazer de acompanhar de perto o Epica em nove shows. No final deste mesmo ano, a banda voltou aos estúdios para a gravação do segundo álbum: Consign to Oblivion. Este trabalho, abordando a cultura Maia, foi lançado em abril de 2005 e traz onze faixas mixadas pelo alemão Sascha Paeth e pelo brasileiro Philip Colodetti.

Em setembro do mesmo ano é lançado o álbum The Score – An Epic Journey. Este trabalho diferencia-se dos demais, porque algumas faixas foram gravadas, originalmente, para compor a trilha sonora do filme holandês Joyride. Mark e sua turma devem ter gostado da idéia e dedicaram-se a compor um álbum inteiro.

No total, 20 faixas compõem este disco; sendo que Trois Vierges (em duas versões), Quietus e Solitary Ground foram resgatadas de Consign to Oblivion. O resultado de The Score é uma composição autenticamente "épica". Foram retiradas as guitarras, os contra-baixos e a bateria; as cordas ganharam destaque juntamente com os corais e a voz de Simone Simons.





Em outubro, o Epica lançou ainda o single Quietus. Este trabalho traz duas versões: a primeira com duas faixas e a segunda com quatro. Além da música-título, Quietus, que também ganhou uma versão vídeo-clipe, o single conta também com as inéditas Linger e Crystal Mountain. Ainda, no final de 2005, a banda realizou uma turnê pela América do Sul apresentando-se, inclusive, em diversas capitais brasileiras.

Apesar da extensa agenda de shows e eventos que marcaram 2006, pode-se afirmar que este foi um ano de mudanças. Inicialmente, a banda fica sem gravadora após a falência da Transmission Records e ainda entra em uma disputa jurídica para obter os direitos de edição das próprias músicas. Em maio, a banda lança o songbook The Road to Paradiso contendo material gravado ao vivo e duas faixas inéditas. Paralelamente, o baterista Jeroen Simons deixa a banda enquanto Mark Jansen e Simone Simons terminam o namoro. Em dezembro, a banda anuncia a inclusão de Ariën van Weesenbeek (do God Dethroned) para ocupar a função de baterista.




No fim de março de 2007, o Epica volta a se apresentar em festivais e turnês, incluindo uma breve visita à Argentina e vários shows na América do Norte. Em abril, é assinado um contrato com a gravadora Nuclear Blast, enquanto estão sendo finalizadas as gravações do novo trabalho.

O álbum The Divine Conspiracy é lançado em agosto de 2007 e segundo Mark "é bem mais espontâneo porque Simone está mais experiente agora". Este trabalho, que aborda a relação entre Deus e as religiões, foi gravado no "Gate Studio" com Sacha Paeth e traz 13 faixas, com destaque para Never Enough (que foi lançada também como videoclipe) e soa como o mais pesado de sua discografia.

Em 14 de junho 2008 foi realizado The Classical Conspiracy, um concerto no Miskolc Ice Hall (Hungria) em que tocaram peças clássicas de Mozart, Dvořák, Verdi, Orff, Prokofiev, Grieg e Vivaldi junto a uma orquestra e a um coral, mas seguindo o estilo da própria banda. Também algumas de suas próprias canções foram reescritas especialmente para o evento.




No fim de 2008 Ad deixa a banda por não estar mais se sentindo bem pelas turnês e pelo pouco tempo que o restava para fazer outras coisas, segundo nota oficial no MySpace do guitarrista. As buscas por um novo integrante continuaram até meados de janeiro de 2009. Reuniu-se ao grupo o guitarrista Issac Delahaye, do God Dethroned.

Em maio de 2009 é lançado o álbum ao vivo do show The Classical Conspiracy, sendo duplo e contendo 28 músicas, alcançando a vigésima terceira posição na parada oficial holandesa. No dia 16 de outubro de 2009 foi lançado o álbum Design Your Universe, com a temática de que todos estamos ligados a nível subatômico e que podemos influenciar o mundo através dos nossos pensamentos, e continua nele o conceito A New Age Dawns. O trabalho foi bem recebido pelo público e pela crítica sendo considerado por muitos o melhor álbum da banda, podendo com destaque para “Unleashed”, “Martyr Of The Free World”, “Kingdom Of Heaven”, “Desconstruct” e “Design Your Universe”. Neste álbum é dada continuidade ao conceito A New Age Dawns. No Metal Female Voices Fest VII, no dia 17 de janeiro de 2010, a banda gravou um DVD ao vivo, ainda sem data de lançamento ou maiores informações.

No dia 1 de janeiro de 2010 a banda anuncia o lançamento de um novo single intitulado This Is The Time, toda a renda adquirida com a venda dele será revertido à ONG WWF. No dia 12 de fevereiro a banda sofre um acidente de trânsito em uma auto-estrada canadense, não há feridos mas por pouco o motorista do ônibus conseguiu evitar uma colisão frontal.


_________________________________________________________________________
*Detalhe:

" Em Dezembro de 2007 o baterista Ariën Van Weesenbeek se tornou o baterista permanente. A banda fez uma turnê em 2008 na América do Norte com as bandas Into Eternity e Symphony X, só que dessa vez com Amanda Somerville nos vocais, pois Simone estava doente devido a uma infecção bacteriana."

"Foi divulgado no sítio oficial da banda, através de uma nota escrita pela própria Simone, que ela estava infectada pela Staphylococcus aureus, uma bactéria resistente à meticilina (também conhecida como MRSA). A cantora passou por diversas cirurgias mas o tratamento é longo e diário, o que obrigou a banda a rever a data de diversas apresentações. Em março de 2008 a banda divulga que para substituir Simone, que ainda está doente, convidaram Amanda Somerville, que havia participado em todos os álbuns do Epica como segunda voz. Em 15 de maio Simone volta a se apresentar ao vivo, já recuperada, apresentação feita para comemorar o quinto aniversário do álbum The Phantom Agony."
_________________________________________________________________________




2.Integrantes 

Atuais:


* Simone Simons - Vocal (2003-)
* Mark Jansen - Guitarra e vocal gutural (2002-)
* Isaac Delahaye - Guitarra (2009-)
* Yves Huts - Baixo (2002-)
* Coen Janssen - Teclado e Piano (2002-)
* Ariën van Weesenbeek - Bateria (2008-)


Antigos:

* Helena Iren Michaelsen - Vocais (2002) (Sahara Dust)
* Iwan Hendrix - Bateria (2002) (Sahara Dust)
* Jeroen Simons - Bateria (2003-2006)
* Koen Herfst - Bateria no shows ao vivo (2007)
* Ad Sluijter - Guitarra (2002-2008)

Músicos convidados

* Olaf Reitmeier - Guitarra acústica em “Feint” e “Run For A Fall” (no álbum The Phantom Agony)
* Annette Berryman - Flauta em “Run For A Fall” (no álbum The Phantom Agony)
* Sascha Paeth - Guitarra acústica em “Dance of Fate” (no álbum Consign to Oblivion)
* Roy Khan - Vocal em “Trois Vierges” (no álbum Consign to Oblivion)
* André Matos - Vocal tenor do coro em Consign To Oblivion (no álbum Consign To Oblivion)
* Ariën Van Weesenbeek - Bateria (no álbum The Divine Conspiracy)
* Sander Gommans - Vocal gutural em Death Of A Dream (no álbum The Divine Conspiracy)
* Amanda Somerville - Vocal em shows ao vivo (2008)
* Tony Kakko - Vocal em “White Waters” (no álbum Design Your Universe)


3.Discografia


Álbuns

* The Phantom Agony (2003)
* Consign to Oblivion (2005)
* The Score - An Epic Journey (2005) (trilha sonora do filme Joyride)
* The Divine Conspiracy (2007)
* The Classical Conspiracy (2009) (álbum ao vivo)
* Design Your Universe (2009)

Singles

* The Phantom Agony (2003)
* Feint (2004)
* Cry for the Moon (2004)
* Solitary Ground (2005)
* Quietus (Silent Reverie) (2005)
* Never Enough (2007)
* Chasing The Dragon (2008)
* Unleashed (2009)

Outros lançamentos

* Cry for the Moon (Sahara Dust) (2002 Demo)
* We Will Take You With Us (Álbum/DVD) (2004)
* The Road To Paradiso (Álbum/DVD Ao Vivo) (2006)


4.Fontes:

Os sites Wikipedia e Spectrum (além do Fan Club Brasileiro da banda: "A New Age Dawns").


5.Para saber mais sobre Epica

Official Website



Wikipédia Português


Myspace

Letras & Músicas

Epica - Grande Conteúdo no Whiplash

Vagalume

Site sobre "Brazilian Tour"










6.VÍDEOS DA BANDA EPICA:

EPICA - Unleashed


Epica- Sensorium


Epica - “Desconstruct” 


Epica - Fools Of Damnation - Legendado PT (BR) & EN


Epica - “Design Your Universe”


Epica - Quietus (Official Video)


Epica - The Phantom Agony (Tradução)


Epica - Facade Of Reality (Legendado)


Epica - Never Enough (legendado)


Epica - We Will Take You With Us [Full Video] with Lyrics


EPICA - Storm The Sorrow (OFFICIAL VIDEO)


Epica - Cry For The Moon


Epica - Another Me In Lack'ech


Epica - Our Destiny legendado


Epica - The Last Crusade legendado


Epica - Burn To A Cinder (lyrics)


Lord Of The Rings (Epica - The Divine Conspiracy)


Epica - “Martyr Of The Free World”


Epica - “Kingdom Of Heaven”


























Adicionar no MySpace !

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Colabore conosco, deixando sua mensagem, sugestão ou crítica. A equipe Sweet Rock'n'Roll agradece!